Projeto: Mesmo sendo criança eu posso orar

Crianças que oram

A oração é nosso ponto de contato com Deus, por meio da oração podemos nos manter conectados ao Pai mesmo em meio a situações difíceis. Para crescer na comunhão com Cristo precisamos passar momentos de oração a sós com ele. Afinal, não podemos ter comunhão com alguém que não conversamos!

No capítulo 6 do livro de Mateus Jesus nos dá algumas orientações sobre a maneira como devemos orar. Primeiro, Jesus critica o fato de algumas pessoas orarem em voz alta no meio das multidões para chamar a atenção das outras pessoas para si; não é esse o propósito da oração. O momento de oração é um momento secreto, momento de intimidade com o Pai, Jesus disse que deveria ser assim: “Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está no secreto. Então seu Pai, que vê no secreto, o recompensará.” (Mateus 6:6)

Em seguida o mestre nos mostra um exemplo de oração, ele nos ensina como orar, uma oração simples e fácil de ser aprendida, essa oração é conhecida por todos como a “Oração do Pai-Nosso” esse foi o modelo de oração que Jesus nos deixou, o que não significa que devemos repeti-lo aleatoriamente; o momento de estar a sós com Deus jamais deve ser repetitivo e impessoal. Jesus estava nos mostrando que ao falarmos com nosso Deus, podemos nos sentir como filhos amados, estando livres pra falar sobre qualquer uma de nossas necessidades e anseios. Sem medo, sem reservas, sem restrições.

Esse relacionamento íntimo e verdadeiro com nosso Pai Celestial deve ser iniciado ainda na infância, para que cada pessoa tenha o privilégio de crescer ao lado do seu pai. Pensando na importância de incentivar as crianças a desenvolverem um relacionamento intimo e sincero com Deus por meio da oração, Stormie Omartian escreve:

As crianças tendem a ter uma fé pura, estão prontas para crer em Deus e dispostas a confiar na resposta dele para suas orações. Elas não tem as mesmas dúvidas e perguntas sobre oração que têm os adultos. As crianças podem aprender facilmente a orar, a agradecer a Deus quando suas orações são respondidas e a discernir as respostas para uma oração respondida de forma inesperada. Elas só precisam saber que Deus é real, que ele ouve as orações delas e que lhes responderá. (OMARTIAN, 2006: pág. 10)

Devemos manter nosso foco nessa necessidade de contribuir para uma formação espiritual sólida. Precisamos aproveitar a disponibilidade do coração das crianças para semear a palavra de Deus ensinado-as a orar e, principalmente, incentivando a orar sempre.

A partir dessas reflexões nasce o projeto: “Mesmo sendo criança eu posso orar”, com o objetivo principal de promover momentos de reflexão e oração. Desde já pedimos ao Senhor que nos mostre o caminho certo a trilhar ao longo desse projeto, as palavras apropriadas para usar; afim de, alcançar o coração das crianças.

Passaremos alguns meses em oração e cremos que o Senhor fará maravilhas no nosso meio, porque a sua palavra diz que onde estiverem dois ou três reunidos em seu nome ali ele estaria. É nisso que nós cremos!!!!!!!!!

1 Identificação

1.1 Local (Coloque aqui o nome e o endereço da sua igreja)

Ministério Batista Fonte da Esperança

Rua Direta da Matriz, 320 – Valéria

Tel.:3301-8586

1.2 Responsável

Ministério Infantil Semeando Boas Novas (Profª Patrícia Pina)

1.3 Público alvo

Crianças com até 12 anos de idade.

1.4 Duração

O projeto será desenvolvido nos cultos de sexta-feira. (Você pode escolher o melhor dia para esse encontro)

1.5 Tema

  • Tema gerador: Oração
  • Tema do projeto: Mesmo sendo criança eu posso orar
  • Temas a serem abordados: oração, fé, confiança, gratidão, adoração, intercessão.
  • Referência bíblica principal: Filipenses 4.6
  • Outras referências serão citadas em outros documentos no programa diário.

2 Áreas a serem atingidas

a) Formação pessoal e emocional

Compreende: identidade, auto-estima, emoções.

b) Formação social

Compreende: interação, amizades, responsabilidades, comunicação.

c) Formação espiritual

Compreende: valores, sentimentos, convicções.

3 Objetivos

Dentro das áreas citadas no item 2, a criança de acordo com a sua faixa etária será capaz de:

a) Formação pessoal e emocional

  • Saber que Deus o ama e sempre ouve as suas orações.
  • Entender que em Cristo nos tornamos filhos amados de Deus.

b) Formação social

  • Perceber a importância de orar por outras pessoas.
  • Relacionar-se com os colegas desenvolvendo amizades.
  • Respeitar as diferenças entre os colegas.
  • Ser capaz de ajudar um colega nas possíveis dificuldades que ele possa enfrentar.

c) Formação espiritual

  • Conhecer e viver a salvação de Jesus, levando-a a outros.
  • Saber o que é oração e qual sua importância para vida do cristão.
  • Identificar os diversos tipos de oração.
  • Orar entregando a Deus suas tristezas e dificuldades.
  • Desenvolver o hábito de dizer palavras de louvor e adoração a Deus.
  • Ter um coração agradecido pelas bênçãos recebidas do Pai.

4 Equipes de trabalho

  • Equipe de ensino: professores e voluntários responsáveis por ministrar as aulas.
  • Equipe de apoio: equipe responsável por preparar o lanche, e ajudar na limpeza da sala e dos materiais. (solicitar apoio do Ministério de Mulheres)
  • Equipe de intercessão: essa equipe deverá orar continuamente pelas crianças e suas famílias, pelos professores e pelos encontros. (solicitar apoio do Ministério de Mulheres)
  • Equipe de multimídia: responsáveis pela instalação e manuseio dos equipamentos.

5 Cronograma

Você pode elaborar um cronograma, estabelecendo data inicial e a data final do projeto.

Sugestão de cronograma: (Clique no tema para ver a lição completa)

  1. encontro: Elias orou e caiu fogo do céu
  2. encontro: Elias orou e choveu
  3. encontro: Josué orou e o sol parou
  4. encontro: Isaque orou por Rebeca
  5. encontro: A igreja orou por Pedro
  6. encontro: A oração de Ana
  7. encontro: A oração de Maria
  8. encontro: A oração de Davi
  9. encontro: Davi agradece por ter a arca de volta
  10. encontro: Jesus agradece pelos pães e peixes
  11. encontro: Jesus agradece porque Deus o ouve
  12. encontro: Paulo agradece por ser ministro

6 Recursos áudios-visuais

Segue lista geral dos recursos que serão utilizados em diversas aulas. (Os recursos específicos serão indicados nos planos diários):

  1. Cartaz com versículos para memorizar: serão 4 versículos
  2. Bandeira do Brasil em tecido, uma para cada criança
  3. Cartaz com os cânticos ilustrados
  4. Pasta catalogo (classificador) 1 para cada criança: nesta pasta devem ficar organizadas todas as atividades realizadas do projeto.

Nas próximas postagens vou compartilhar o plano de aula de cada encontro, mas você para alcançar os objetivos propostos pelo projeto você pode trabalhar o tema oração da forma mais criativa que puder, levando sempre as crianças a orar.

Esse projeto foi realizado no ano passado e sua culminância foi a 1ª Conferência de Oração: Mesmo sendo criança posso orar. Foram dias de muita glória e unção!!!

Com carinho,

Pró Lili

Anúncios